quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Canudinho

A descoberta da semana foi a cantora Renata Arruda em seu CD "Pegadas".
Gostei demais do trabalho da mulher!!!
Tem uma música chamada "Canudinho" que achei sensacional!!! Inclusive, foi usada numa propaganda do Guaraná.
Eu, que estava possuída pela "Síndrome do Papai Noel" (éh, com o saco beeeeeem cheio nesta semana que antecedem minhas férias, por umas bad news ao quadrado que ouvi, de forma que quase nada me dava gosto nem apetite, literalmente!), fiquei encantada com a simplicidade quase infantil usada nas metáforas.

"Se eu tivesse um canudinho, eu chupava você
Pra dentro do meu mundinho, pra comigo viver, pra comigo viver
Se eu tivesse um canudinho, eu me enchia de você
E acabava com o vazio, o vazio de viver
Se eu pudesse te liquefazer, eu te bebia até ficar de porre
Você me embebeda, você me enlouquece
Ai meu Deus, como você pode?!"


3 comentários:

Deia disse...

Ô, amiga... quanto tempo passei sem ver-te. Estou aqui abraçada por lágrimas diante de suas poesias reais.
Tô com vontade de ser um canudinho...mas tem tantos impedimentos. Às vezes ser canudinho nesse mundo de pedras, dói demais.
Tô engasgada, ainda!

Um beijo no seu coração! Saudades.

Anônimo disse...

Lôra:

Vc me surpreende....Hehe....Adorei a musiquinha...mas, ainda to sem ninguém pra sugar....
Meu refri atual, tá me dando enjõo...
Eterna insatisfeita:
A Táta...

bjinhus.................

Leandro Souza disse...

Olá querida Grazi,

Espero que esteja muito bem. Estou bem, graças a Deus.
Saudades de você também amiga. Tenha ótimos dias pela frente a até breve se Deus quiser.

Abraços fraternos :)